Médico do ICOR apresenta pesquisa no Congresso Europeu de Pneumologia (ERS)

Tabagismo e evolução hospitalar de pacientes com infarto do miocárdio com elevação do segmento ST em hospital público universitário brasileiro, este foi o tema do trabalho apresentado pelo nosso médico cardiologista, Dr. Anibal Abelin Pereira, no Congresso Europeu de Pneumologia Virtual – ERS (European Respiratory Society) de 2020.

Esse ano o evento foi realizado de maneira virtual, através das plataformas online foram apresentadas mais de 450 sessões cientificas e educacionais ao longo dos três dias de congresso.  

De acordo com a pesquisa, apresentada na sessão “Vírus respiratórios na era pré COVID-19”, estudos anteriores revelam que fumantes com infarto do miocárdio com elevação do segmento ST (IAMCSSST) são mais jovens, têm menos características elevadas coexistentes e mortalidade mais baixa do que os não fumantes. O estudo tem o objetivo de avaliar a relação entre tabagismo e desfechos hospitalares de pacientes tratados com IAMCSST em um hospital terciário.

Participaram desta pesquisa 230 pacientes, não fumantes, fumantes atuais e ex-fumantes. Foram avaliadas as características clínicas, tempo de internação, mortalidade por todas as causas e eventos cardiovasculares maiores (MACE, definido como o composto de mortalidade total, re-infarto, acidente vascular cerebral e parada cardíaca) durante o período intra-hospitalar. 

Como resultado final, conclui-se que na comparação entre nunca fumantes com ex-fumantes, o tabagismo atual está associado à ocorrência de IAMCSST em uma idade mais jovem e com mortalidade hospitalar semelhante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *